segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Opinião – A cidade de Parati com bebê

Eu tirei alguns dias de férias e aproveitei para visitar por um dia a linda e charmosa cidade de Parati – RJ. Eu já havia dado uma voltinha por suas encantadoras lojinhas e vielas no passado e resolvi levar a Manu comigo dessa vez.

IMG_0035

A cidade tem inúmeras atrações e minha experiência foi específica com o centro velho, mas se alguém me perguntasse se deveria ir a Parati com um bebê pequeno eu diria “NÃO”.

As ruas do centro velho são todas de pedras e paralelepípedos o que torna impossível e desagradável levar um carrinho de bebê, além de trepidar o carrinho enrosca o tempo todo. Não sei vocês, mas minha filha tem 12k, eu fiquei morta ao ter que ficar carregando ela no colo o tempo todo. Mesmo para um bebê menor, faz falta o conforto e a liberdade do carrinho.

IMG_0039

Deixar uma criança pequena que acabou de começar a andar ou mesmo no caso da Manu que ainda não anda super firme é pagar para o seu filho tomar um tombo, ou melhor, vários, eles tropeçam o tempo inteiro. É difícil até para os adultos que precisam andar com calma para não cair, parece que você está brincando de Olimpíadas do Faustão rs...

No meu caso a visita de relaxante passou a um estresse danado, a Manu queria ir para o chão, mas caia em poucos passinhos. Nós, que não lembrávamos que não tinha nada de calçada, ficávamos arrastando o carrinho para todos os lados, tropeçando e enganchando nas falhas entre as pedras.

Espero que não me entendam mal, a cidade é linda e não sei dizer se outros pedaços são melhores para ir com crianças. Porém, acho que o centro velho é onde estão as feirinhas, restaurantes, bares e é onde todo mundo quer tirar foto, é tipo o cartão postal. Não acredito que seja possível ir a Parati sem visitar essa região por isso, uma nova visita a essa cidade vai ficar para uma outra oportunidade, quando a Manu for maior e já puder caminhar sozinha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário