sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

Ar condicionado ou ventilador?

Eu amo o verão, mas se tem algo que incomoda um pouco é aquela sensação de calor que nos deixa suados e grudando, quando até o lençol da cama parece que esquenta. São Paulo (onde vivo) é uma cidade fresca no geral, mas no verão ela consegue ser uma ilha de calor, já que temos concreto para todos os lados.

calor-1024

Fonte: http://www.petshopmagazine.com.br/2012/10/22/calor-exige-cuidados-especiais-com-os-pets/

Os pequenos não reclamam de calor, mas transparecem muito e dão sinais de que aquela temperatura também os está incomodando. A Manu fica suada, com o cabelo molhado e as bochechas bem rosadas, ela fica parecendo uma maçã de tão vermelha. Nessas noites ela demora mais para dormir e costuma choramingar mais, parece que ela não acha posição.

IMG_0334É muito difícil dosar o calor quando temos um bebê muito pequeno, já que a ideia que temos é que tomo neném sente frio. Segundo a pediatra Débora Passos, em entrevista para a Revista Pais & Filhos, o recém-nascido tem os pés e mãos mais frios, é normal, mas isso não quer dizer que eles estejam com frio. Nos dias muito quentes ela recomenda que mesmo os pequerruchos que chegaram recentemente ao mundo, deverão usar roupas leves ou só um body.

Depois que a criança completa três meses ela começa a suar e ai você terá mais sinais que ajudarão a entender como o seu filho está se sentindo diante da temperatura.

Mas e a pergunta que não quer calar, ar-condicionado ou ventilador?

Não tem mocinho ou vilão nessa resposta, ambos poderão ser utilizados e serão úteis se tomarmos alguns cuidados:

Ar-condicionado:

A temperatura ideal para um bebê é de 25ºC, não vai gelar o ambiente, mas o deixará mais fresquinho. Como ele resseca o ar, umidifique sempre o ambiente com um aparelho próprio ou até uma bacia com água.

Colocar um ar-condicionado no quarto do seu filho não é proibido mas exige muitos cuidados (não gosto muito da ideia) como manter os filtros sempre bem limpos e evitar os choques térmicos saindo do ambiente mais geladinho e indo para um ambiente quente. Desligue ou aumente a temperatura do ar por alguns minutos até que ela fique mais próxima com a que está fora do quarto e ai sim saia com a criança.

Ventilador

Ele está liberado para uso desde que não fiquei diretamente no bebê, seu uso agrada mais alguns especialistas, pois ele não altera a temperatura do ambiente, evitando choques de calor e frio, além de ser mais fácil de limpar.

E mais uma vez, mamães, papais, vovós de recém nascido, cuidado com o excesso de roupa, fiquem atentos e evitem agasalhar se mais seu pequenino no verão, pois esse hábito pode gerar até febre com o super aquecimento do corpo do bebê.

Converse com seu pediatra e veja quais as orientações dele diante da temperatura e do histórico médico do seu bebê.

Fonte: http://www.paisefilhos.com.br/bebe/aliviando-o-calor-do-bebe

Nenhum comentário:

Postar um comentário