sexta-feira, 24 de outubro de 2014

O Pós-parto e o Guarda-roupa – Uma Relação em Crise

Eu sempre escuto aquelas histórias da pessoa que logo depois do parto já estava usando as suas roupas de antes da gravidez e fico me perguntando se isso é verdade. Eu não sei se é ou não, mas comigo levou 6 meses para que eu conseguisse voltar a usar as minhas roupas e algumas crises de “eu não tenho roupa” seguidas de um chorinho básico rs.

Eu engordei 14kg na gestação da Manu e como sempre fui magra eu praticamente tive que comprar roupas novas pois nada me cabia. Até ai tudo bem, eu não era gordinha eu era uma grávida, então o corpo redondinho fazia parte da beleza da gestação e era normal que minhas roupas não coubessem.

IMG_0217

Porém, quando a Manu nasceu eu fiquei ainda uns três meses com uma barrigona inchada, parecia que eu ainda estava grávida. Nos primeiros meses eu ainda achava normal usar as roupas de grávida mesmo sem estar grávida, mas quando eu comecei a poder sair de casa com a Manu eu dei uma surtadinha de leve com o meu guarda-roupa.

IMG_0285Eu não podia usar as minhas blusas de alcinha por que estava lá aquela alça grossa do sutiã de amamentação. Tinha que usar blusa com botão para poder botar o peito para fora quando fosse preciso. Vestido nem pensar, eu teria que dar de mamar pelada por que teria que levantar a saia, então não era uma opção. Minha barriga ficou com uma pochete na região da cesárea, por isso minhas calças não fechavam. Enfim, sair era sempre um drama mexicano e eu fazia a Maria Mercedes.

Eu não servia para as minhas roupas e minhas roupas não me serviam, eu não tinha tanta grana para sair comprando e sabia que aquele ali ainda não era o meu corpo, por isso eu precisava entender esse meu novo “eu” e aceita-lo.

IMG_0659

Você deve ter pensado que eu sou uma dessas pessoas que são loucas por academia e corpo, que vive malhando e comendo macrobióticos, mas eu juro que não. Sou uma pessoa bem comum, só que tenho a minha vaidade e não foi fácil ver tantas transformações no meu corpo e não conseguir me arrumar do jeito que eu queria.

Eu só consegui voltar a usar as minhas calças quando completei 6 meses do pós-parto e parecia que eu tinha ganhado um guarda-roupa novo. Grande parte daquelas peças eu não usava há mais de um ano, por isso foi até divertido rever as minhas peças até esquecidas.

IMG_3216

Foi ai que eu descobri que dramatizei um pouco demais e entendi que essa é uma fase que passamos, algumas passam rapidinho outras ficam mais tempo nela, mas que uma hora ou outra voltamos para o nosso “normal”.

Eu olhei algumas fotos desse período depois do nascimento da Manu e percebi que eu estava muito bonita. As coxas ainda estavam grossas, a barriga pulava para frente e eu ainda tinha um papo meio grande, mas o meu semblante era de tanta paz e amor que eu percebi que a minha beleza vinha de dentro, vinha da minha alma. Por isso, não brigue com seu guarda-roupa, essa crise não será o fim da relação de vocês!

Manuela-38

Nenhum comentário:

Postar um comentário